NOTÍCIA VOLTAR

13 junho 2018

 

Após uma longa jornada de negociação por parte do sindicato no sentido de defender os interesses da categoria, os trabalhadores da Energisa Tocantins decidiram em assembleia pela aprovação da proposta apresentada para renovação do Acordo Coletivo de Trabalho 2018/2020.

 

A decisão foi tomada em assembleia realizada nas principais localidades do estado e concluída nesta terça-feira, 12, na qual 84,3% dos trabalhadores participantes aprovaram a proposta da empresa.

 

A grande preocupação da direção do Steet nessa negociação foi em relação a manutenção das conquistas, principalmente após a vigência da nova legislação trabalhista, que tornou ainda mais difícil o processo de negociação junto às empresas.

 

O Steet, após muitas dificuldades, conseguiu manter todas as condições previstas atualmente no acordo coletivo de trabalho.

 

A proposta aprovada para as cláusulas econômicas foi de reajuste, considerando o percentual de 1,69% (INPC-IBGE), no salário e demais benefícios. Quanto ao vale alimentação e natalício o reajuste consiste em percentual de 1,69% mais ganho real de 2%, passando para R$ 897,85. 

 

Para o Auxilio Filho Excepcional, além do reajuste, foi aprovado a retirada da limitação de idade do dependente excepcional, que antes era coberto até os 7 (sete) anos de idade.

 

O Auxílio funeral está previsto na apólice do seguro de vida em grupo e passará para R$ 3.000,00

As condições negociadas e aprovadas por ampla maioria, são retroativas a 1º de maio e serão ajustadas na próxima folha de pagamento, sendo que há diferenças salariais a serem quitadas referentes ao mês de maio, e do ticket alimentação referente aos meses de maio e junho.

 

Banco de Horas

Uma grande preocupação da direção do sindicato era quanto a tentativa por parte da empresa de retirar a cláusula que se referia ao Banco de Horas existente no acordo coletivo. A cláusula garante que o Banco de Horas só poderá ser implementado caso haja uma negociação com o sindicato.  A direção do Steet conseguiu manter esta condição e foi estabelecido prazo até abril de 2019 para que haja a negociação entre empresa e sindicato para construção das condições do banco de horas para posterior implementação.

 

Plano de Cargos, Carreira e Salários - PCCS

Outra conquista é quanto a implementação do Plano de Cargos, Carreira e Salários, anunciado pela direção da Energisa. A empresa anunciou que implementará o plano já no mês de julho próximo. Segundo a direção da Energisa, o plano será apresentado as trabalhadoras e trabalhadores ainda neste mês de junho.


A diretoria do sindicato agradece o apoio e a participação de todos que estiveram envolvidos na discussão e negociação em busca da melhor proposta para o ACT. Sem a disposição dos trabalhadores, com certeza não teríamos alcançado este resultado.

 

 

Nenhum direito a menos, juntos somos um sindicato mais forte!